A recriação dos Evangelhos em Boa Nova, de Humberto de Campos (Espírito)

Ana Claudia da Silva

Resumo


No romance episódico Boa Nova, o autor extrafísico Humberto de Campos (2013) reconta, pela psicografia de Chico Xavier, em trinta capítulos, episódios da vida de Jesus, nos quais ficcionaliza a matéria bíblica para formar relatos que agregam à fonte originária pensamentos, sentimentos e emoções das personagens principais. A linguagem de Campos, neste romance, difere da empregada em outras obras do mesmo autor espiritual; o autor quer migrar do universo terreno dos “Espíritos esclarecidos” para aquele celestial, dos “Espíritos evangelizados” (Idem, p. 9). Neste estudo, queremos abordar algumas particularidades desse romance, refletindo antes, contudo, a partir da metodologia proposta pelo teólogo e educador italiano Luigi Giussani (2003, 2017, 2015) para o estudo do acontecimento cristão na perspectiva do catolicismo, sobre a postura adequada para considerar o fenômeno da literatura espírita mediúnica. Nossa comunicação objetiva refletir sobre a consciência autoral de Campos que, enquanto Espírito, produz obra sensivelmente distinta daquela produzida em sua última reencarnação.


Palavras-chave


Literatura espírita; Espiritismo; Literatura e espiritualidade; Humberto de Campos (Espírito)

Texto completo:

PDF

Referências


CAMPOS, Humberto de. Boa nova. Psicografia de Francisco Candido Xavier. 37. ed. Brasília: FEB, 2013. Edição Kindle.

CANDIDO, Antonio. O direito à literatura. In:______. Vários escritos. 3a. ed. São Paulo: Duas Cidades, 1995. p. 235-263.

CARVALHO, Alessandra Sterzi de. O senso religioso e o homem contemporâneo: uma reflexão antropológica filosófica na obra de Luigi Giussani. 2006. 181 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006. Disponível em: < https://tede2.pucsp.br/handle/handle/2013>. Acesso em: 17 dez. 2017.

EBNER, Leda de Almeida Rezende. Reflexões advindas da lição do bom ânimo. Disponível em: https://espirito.org.br/artigos/reflexoes-advindas-licao-do-bom-animo/. Acesso em: 17 dez. 2019.

FARIA, Jacir de Freitas. A vida e os atos dos apóstolos segundo Atos Apostólicos Apócrifos. Revista de Interpretação Bíblica Latino-Americana – RIBLA, v. 80, n. 2, p. 177-197. 2019. Disponível em: . Acesso em: 17 dez. 2019.

GIUSSANI, Luigi. Na origem da pretensão cristã. 2. ed. Rio de Janeiro: Nova Fronteira, 2003.

______. O senso religioso: primeiro volume do PerCurso. Tradução de Paulo Afonso E. Oliveira. Jundiaí: Paco, 2017. Edição Kindle.

______. Por que a Igreja. 3. ed. São Paulo: Companhia Ilimitada, 2015. E-book Kindle.

KARDEC, Allan. O evangelho segundo o espiritismo. Tradução de Evandro Noleto Bezerra. 2. ed. Brasília: FEB, 2013. Edição Kindle.

______. O livro dos espíritos. Tradução de Evandro Noleto Bezerra. 4. ed. Brasília: FEB, 2013a. Edição Kindle.

LEWGOY, Bernardo. Os espíritas e as letras: um estudo antropológico sobre cultura escrita e oralidade do espiritismo kardecista. 2000. Tese (Doutorado em Antropologia Social) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2000. Disponível em: < https://lume.ufrgs.br/handle/10183/16244>. Acesso em: 17 dez. 2019.

PRANDI, Reginaldo. Os mortos e os vivos: uma introdução ao espiritismo. São Paulo: Três Estrelas, 2012.

REIS, Carlos. Episódio. 2009. In: ______ (Org.) E-dicionário de termos literários. Disponível em: . Acesso em: 17 dez. 2019.

ROCHA, Alexandre Caroli. Complicações de uma estranha autoria (o que se comentou sobre textos que Chico Xavier atribuiu a Humberto de Campos). Ipotesi: Revista de Estudos Literários, Juiz de Fora, v. 16, n. 2, p. 25-36, mar. 2001. Disponível em: . Acesso em: 17 dez. 2019.

ROCHA, Cecília (Org.) Estudo sistematizado da Doutrina Espírita: programa fundamental. 2. ed. Brasília: FEB, 2016. Tomo I. Edição Kindle.

SILVA, Ana Claudia da; ABREU E SILVA, Verônica Bemvenuto de. Quem lê livros espíritas? Estudos de Literatura Brasileira Contemporânea, Brasília, n. 57, p. 1-15, fev. 2019. Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/elbc/n57/2316-4018-elbc-57-e5718.pdf>. Acesso em: 17 dez. 2019.

TIMPONI, Miguel. A psicografia ante os tribunais. 5. ed. Rio de Janeiro: FEB, 1978.




DOI: https://doi.org/10.23925/2236-9937.2020v22p31-50

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Filiada:

Apoio:


Teoliteraria está indexada em:

     

    

  

                         

 

 

 

 

 

Presença da Teoliteraria em Bibliotecas no exterior:

 

                         
                               
            
                        
                       
              
                              
                                          
                       
                
                             

 

           

  

 



  

     
 Está obra está licenciada sobre uma Creative Commons Attribution 4.0 International License.